Chamado código: 2020dGg

  • 28/09/2020 às 12:31h

    Chamado aberto

    Creio que não seja correto funcionário da segurança do PS de Araçatuba, ficar subtraindo remédios do tipo antibióticos distribuindo para os mais próximos e injeções de Voltarem, Profenide e Dipirona sem curso algun de enfermagem aplicar em suas amigas, pois é que acontece com a funcionária Glycel Modesto Rossi. Creio que isso não seja correto, peço encarecidamente que isso seja investigado para que não aja danos na saúde de seus amigos pois isso é uma falta de respeito e ética

  • O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *